quinta-feira , 24 agosto 2017
Home / Destaque / Bispo do Sul Fluminense conclama fiéis para paralisação nacional do dia 28 Em vídeo, Dom Biasin diz que 'causa é justa'. Dom Orani não se manifestou

Bispo do Sul Fluminense conclama fiéis para paralisação nacional do dia 28 Em vídeo, Dom Biasin diz que 'causa é justa'. Dom Orani não se manifestou

O bispo da Diocese de Barra do Piraí-Volta Redonda, no Sul Fluminense, Dom Francisco Biasin, está divulgando um vídeo em redes sociais, no qual conclama os fiéis das 30 paróquias de 12 municípios da região para participarem da paralisação geral contra as reformas proposta pelo governo Michel Temer, marcada para a próxima sexta-feira, dia 28.

A Igreja Católica vem se posicionando de forma crítica em relação as reformas trabalhistas e da Previdência. O arcebispo do Rio, Dom Orani João Tempesta, ainda não se pronunciou sobre o assunto, segundo sua assessoria.

“No dia 28, vamos participar, clamando por justiça. Trata-se de um uma causa justa: defender os direitos adquiridos. Defender o direito à vida e a dignidade. Vamos mostrar aos governantes a nossa indignação com as reformas impostas à população, sem diálogo com a sociedade civil organizada”, diz Biasin no vídeo. “Participar da paralisação nacional é um ato de coragem, e uma forma nobre de exercer a cidadania e o autêntico patriotismo. Procure em suas cidades como estão se organizando e, sobretudo, participe”, completa o bispo.

A Confederação Nacional de Bispos do Brasil (CNBB), que já havia se declarado publicamente contrária às mudanças na aposentadoria, também apoia a greve geral planejada para sexta-feira no Brasil. O Arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, também divulgou um vídeo nesta terça-feira conclamando a população para protestar.

“Queridos irmãos e irmãs, homens e mulheres de boa vontade, convoco a todos para que participem no dia 28 de abril, da grande manifestação contra as reformas trabalhistas e da Previdência Social”, apelou dom Saburido, alegando que a classe trabalhadora “não pode perder direitos arduamente conquistados, com intensa participação democrática”, sem debates profundos com a classe trabalhadora.

Fonte: Jornal O Dia Online | Por FRANCISCO EDSON ALVES

Print Friendly, PDF & Email

Veja Também

Foto reprodução TV Globo

Motorista de Uber é baleado em Realengo após confundir blitz policial com blitz de bandidos Vítima contou que confundiu os PMs com bandidos e ficou com medo de parar

Rio – Um motorista de Uber foi baleado ao não obedecer a ordem de parada ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Criado com Area de Membros WP
Translate »