quarta-feira , 23 janeiro 2019
Home / Destaque / PRF e Polícia Civil apreendem 34 pistolas, carregadores e munição Motorista confessou que receberia R$ 5 mil pelo transporte

PRF e Polícia Civil apreendem 34 pistolas, carregadores e munição Motorista confessou que receberia R$ 5 mil pelo transporte

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Policiais Civis da Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (DESARME) apreenderam 34 pistolas de uso restrito, calibres 9mm e .40 S&W, 66 carregadores, 2.300 munições calibres 5,56 x 45 mm, 762 x 39 mm, 762 x 51 mm e 45 ACP, além de 8 tabletes de pasta base de cocaína e crack na madrugada desta segunda-feira.

A grande apreensão aconteceu durante uma ação em conjunto da PRF e da Polícia Civil com o objetivo de reprimir o tráfico de armas e munições na Rodovia Presidente Dutra, na altura de Seropédica.

Um veículo FIAT / UNO, cor VERMELHA, conduzido pelo mineiro IVAN TOLEDO DA MATA, 31 anos, natural de Pouso Alegre/MG, foi abordado pelos policiais e, durante a revista ao veículo, os policiais encontraram diversos compartimentos ocultos (fundos falsos) onde o arsenal estava escondido.

O assoalho e a lataria do veículo tiveram que ser serrados para que os policiais conseguissem retirar todas as armas, munições e drogas de seu interior.

IVAN confessou que receberia 5 mil reais pelo transporte do carregamento ilícito da cidade de Maringá/PR para o Rio de Janeiro/RJ. Também relatou que utilizou caminhos alternativos por rodovias estaduais para tentar evitar a fiscalização das BRs, mas acabou abordado ao retornar para a Via Dutra, em Seropédica.

Um dos objetivos da DESARME é pedir à Justiça a doação do armamento para que possa ser utilizados pela PRF e pela Polícia Civil no enfrentamento ao crime organizado.

A Polícia Civil e a Polícia Rodoviária Federal mantêm um intenso trabalho conjunto no Estado do Rio de Janeiro, por meio de troca de informações e ações ostensivas, com o objetivo de reprimir o tráfico de armas e munições no Rio de Janeiro.

Nos últimos meses milhares de munições e centenas de armas de fogo de uso restrito foram apreendidas em ações conjuntas que evitaram que esses arsenais chegassem às mãos de criminosos do Rio.

Veja Também

Foto do painel antes de ser vandalizado

Memorial em homenagem as vitimas do massacre da escola Tasso da Silveira é vandalizado Mãe de vítima lamenta: 'Dói o coração'

Memorial teve azulejos queimados no último domingo (13); chacina ocorreu há quase oito anos — ...